>HISTÓRIAS TECNOLÓGICAS – APPLE EM 1983

>
Amigos Leitores, no Histórias Tecnológicas de Hoje, uma boa sugestão de leitura para vocês, que assim como esse que lhes escreve tem mais de 35 anos e ama TECNOLOGIA e INFORMÁTICA.
Esse Post é reprodução de um ótimo artigo que li no Meio Bit. Conta a história de um camarada chamado Steve Jobs, presidente da Apple, sobre a suas novas estratégias para aumentar sua participação no mercado e claro como vencer sua briga direta com o IBM PC. Vale a pena dar uma lida… Clique em Leia Mais… Tenham um Ótimo FDS e Abraço a Todos !

Planeta, Terra. Cidade, Rio. Era o ano de 1983. Brontossauros vagavam pelo jardim que seria a Lagoa Rodrigo de Freitas. O Pão de Açúcar ainda não havia se erguido, por forças tectônicas, do fundo do oceano. Em uma estrutura em forma de tetraedro construída para acumular conhecimento (não, não era O Monolito) um jovem proto-geek adquiria uma revista. Uma tal de INFO, publicada por uma editora JB, que há muito foi parar no âmbar.

A revista era uma boa b…b….porcaria (quase sai). A Microsistemas era muito melhor para quem estava iniciando no seu interesse por tecnologia. O proto-geek fez uso do seu recém-evoluído polegar opositor e a revista foi para a gaveta, depois para o armário e sumiu, perdendo-se na Bruma da História por 26 infindáveis anos.

Encontrada preservada em uma pedra de âmbar, a revista é uma verdadeira janela para um tempo que só existe nos mais empoeirados livros de História, como o período PréMacintoshiano, quem vem mais ou menos entre o Cretáceo e o Jurásico. Vamos, neste trabalho, investigar alguns dos Antigos Textos. Pedimos desculpas pelas informações inexatas, mas a linguagem utilizada é muito floreada, cheia de construções provavelmente com propósitos ritualísticos. São termos indecifráveis como SEI, ORTN, Disquete e “Disco Rígido de 10MB”.

O texto que traduziremos será o da página abaixo, que você pode ver em uma resolução cromulenta clicando nela ou aqui, e selecionando “All Sizes”, caso já não abra grande.

O LISA é anunciado a US$10 mil, uma fortuna pros dias de hoje, mesmo desconsiderando a considerável inflação. O texto todo mostra a Apple como uma empresa que deu sorte de lançar um excelente produto, o Apple II, mas que com 5 anos de idade está no limite de seu potencial, o Apple III foi um fracasso, com recall de milhares de unidades vendidas, e uma proposta não revolucionária mas bem arrojada.

É interessante ver o quanto a IBM é o foco do texto. Sim, crianças. No tempo em que a Microsoft era um player menor, em que Jobs tinha cabelo e Stallman sanidade, a IBM era a grande vilã.

Tanto que o foco do LISA era mercado corporativo. Jobs planejava vender milhares e milhares dessas máquinas para empresas, quebrando o monopólio virtual da IBM.
No final, lá para a 5a ou 6a página falam de um tal de MacIntosh (assim mesmo) que seria lançado no ano seguinte, e poderiiiiia fazer alguma diferença.

O texto termina dizendo que “Lisa e MacIntosh determinarão se a Apple se juntará aos fracassados ou permanecerá entre os líderes da indústria da computação”.

Na época isso realmente era uma dúvida.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s